Terça, 02 de Março de 2021 20:58
61981028469
Cidades Cidades

Mutirão inicia a retirada de carros do Parque Burle Marx

23/02/2021 20h20
102
Por: A Redação
Operação de retirada dos carros e das carcaças deve durar um mês | Foto: Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília
Operação de retirada dos carros e das carcaças deve durar um mês | Foto: Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília
Operação de retirada dos carros e das carcaças deve durar um mês | Foto: Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília

Teve início nesta terça (23) a retirada de 1.602 veículos, que ocupam parte do depósito do Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF). O pátio 6 – área de 22 mil metros quadrados onde eram guardados veículos com restrição judicial – precisou ser desocupado porque, agora, todo o terreno faz parte da poligonal do Parque Ecológico Burle Marx, no setor Noroeste.

Desde o início da manhã, empilhadeiras do Detran-DF trabalhavam no local, deslocando carros e carcaças até dezenas de guinchos, responsáveis pelo transporte dos veículos do depósito do Detran-DF para o Parque Rodoviário do DER/DF. Este último localizado no Grande Colorado, em Sobradinho, a pouco mais de 17 quilômetros de distância.

1.602Veículos serão retirados do depósito do Detran no Noroeste

A expectativa é de que a operação dure em torno de 30 dias. Cada guincho consegue transportar dois veículos, e o tempo de deslocamento até o Parque Rodoviário do DER/DF é estimado em cerca de 45 minutos.

O presidente do Instituto Brasília Ambiental, Cláudio Trinchão, comemorou a iniciativa, que classificou como uma "situação histórica" e destacou quais serão os próximos passos para a implantação do Parque Burle Marx. "Aprovamos recentemente o plano de manejo e estamos na fase final da licitação para a construção de toda a infraestrutura do parque. Com a liberação da área, vamos fazer uma recuperação vegetal para que ela seja entregue à sociedade", explica.

Já o diretor-geral do Detran-DF, Zélio Maia, destacou a integração entre os órgãos do GDF para que a retirada dos veículos, que ocupavam a área há mais de 20 anos, pudesse ser concretizada. "Juntamente com o Brasília Ambiental e diversos órgãos do governo, que estão nos auxiliando na retirada desses veículos, hoje estamos devolvendo uma área importante para toda a população do DF", enfatiza.

Veículos estavam no local há mais de duas décadas | Foto: Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília

A força-tarefa para o recolhimento e transporte dos veículos é uma iniciativa do Detran-DF, do Instituto Brasília Ambiental, da Secretaria de Governo e conta com o auxílio da Secretaria do Meio Ambiente, do Departamento de Estradas de Rodagem (DER/DF), da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) e das polícias Civil e Militar do DF.

Preservação ambiental

O Parque Ecológico Burle Marx ainda preserva uma das maiores manchas de Cerrado do DF, sendo considerado um corredor ecológico entre o Parque Nacional de Brasília e o Lago Paranoá.

O cercamento de toda a unidade e a ciclovia, com 5 km, às margens da Avenida W7, foram concluídos recentemente. O Parque aguarda a infraestrutura urbana para visitação, cujas obras estão em fase final de licitação.

O Plano de Manejo do Burle Marx foi aprovado no último dia 25 de janeiro e conta com dez programas. Um deles é o Plano de Recuperação de Áreas Degradadas (Prad), que apresenta as diretrizes para a recuperação ambiental das áreas que sofreram processo de degradação. Além de plantios, serão desenvolvidas ações de controle, e adotadas medidas de mitigação de ação dos agentes causadores dos danos.

*Com informações do Brasília Ambiental

Fonte: Governo DF
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.