Quarta, 20 de Janeiro de 2021 13:42
61981028469
Brasil Brasil

"Querem ser protagonistas em 2022", diz Kalil sobre politização da vacina

30/11/2020 23h55
68
Por: A Redação
source
Kalil no Rodaviva
TV Cultura / Reprodução

Kalil no Rodaviva

No Roda Viva desta segunda-feira (30), o prefeito de BH, Alexandre Kalil (PSD), falou sobre o cabo de guerra protagonizado por políticos em torno das vacinas contra a Covid-19. Segundo ele, a briga que envolve a CoronaVac, vacina do Instituto Butantan feita em parceria com laboratório chinês, foi politizada por Doria e Bolsonaro.

"Quando um não quer, dois não brigam. Imagina se essa vacina dá certo, e chega para nós mais depressa. Acha que o governo federal vai ter peito de não comprar porque ela é chinesa? Isso é crime, é impeachment", disse Kalil.

Segundo Kalil, o embate entre Doria e Bolsonaro em torno da vacinação é desejo de ser protagonista em 2020. 

"Eles querem ser protagonistas em 2022. Mas tem muita gente importante do lado de fora articulando [...] Tem que entregar alguma coisa para a população para ser eleito", complementou.

Sobre João Doria, Kalil diz ser completamente diferente, apesar de ambos terem sido eleitos como 'outsiders' da política. "Eu sou totalmente diferente. Nunca conversei com ele, nem com Covas", disse o prefeito de BH, que evitou entrar em polêmicas sobre o tucano.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.