Quinta, 03 de Dezembro de 2020 13:20
61981028469
Opinião Pandemia

“A volta do trabalho presencial é inconstitucional e ilegal”, afirma o advogado Fabio Lima

O advogado representa a ANDEPS em uma ação contra o Ministério da Saúde

07/09/2020 17h28
430
Por: A Redação
“A volta do trabalho presencial é inconstitucional e ilegal”, afirma o advogado Fabio Lima

A Associação Nacional da Carreira de Desenvolvimento de Políticas Públicas (ANDEPS) entrou com um Mandado de Segurança para que a Portaria 428/2020 do Ministério da Saúde seja suspensa, alegando inconstitucionalidade e ilegalidade. Eles requerem a adoção do trabalho remoto como regra no Ministério da Saúde, a todos os servidores cujas atividades sejam compatíveis com esta modalidade, no prazo de 48h.

“A COVID-19 continua fora de controle no Brasil e no DF, sua transmissão em locais fechados como órgãos públicos é muito facilitada pelo alto número de assintomáticos e pela fase de latência da doença. Por isso, mesmo com a reabertura da economia, a única medida 100% eficaz ainda é o isolamento e distanciamento social. O ideal é que todo o trabalho que possa ser feito remotamente, assim seja feito. Essa é a melhor forma de compatibilizar a continuidade do serviço público com a proteção à saúde que todo trabalhador tem direito. O Ministério da Saúde deveria ser exemplo de combate à pandemia, mas o que vemos é a falta de metodologia científica em decisões como esta”, afirma Fabio Lima.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.